PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Ato Público marca Dia Internacional da Pessoa com Deficiência em Açailândia

 Mas também devemos lembrar que a luta precisa continuar.
Celebrado nesta terça-feira (03/12), o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência foi lembrado com um Ato Público “Sem diferença no olhar”, promovido pela Secretaria de Assistência Social, o Movimento das Pessoas com Deficiência e Fórum das Entidades.
Segundo o advogado Dr. Erno Sorvos, o objetivo do evento é mostrar a vivência do cotidiano da pessoa com deficiência. “Hoje é um dia de discutir isso e de conscientizar não só aqueles que são portadores de deficiência, assim como também a sociedade de um modo geral e as instituições.  Porque não são só as pessoas que discriminam, às vezes as instituições também. Esse enfretamento precisa ser diário, permanente, constante. É o combate diário que se trava, que é o preconceito contra pessoas com deficiência”, explicou.
Na abertura do evento, uma apresentação cultural dos hinos por membros do Movimento das Pessoas com Deficiência. Durante o encontro ocorreram discussões sobre o transporte, direito e conquista da comunidade surda, benefício de prestação continuada e o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência.
Na ocasião, a gestora da SEMAS, Lennilda Costa, ressaltou que momentos como este fortalece a luta pelos direitos. “Nós temos visto eles com direitos ao BBC, direito ao passe livre, direitos que têm conquistado através de suas lutas. Hoje a secretária de Assistência, juntamente com a presidente da Associação estamos reunidos, com o apoio do nosso Prefeito Aluísio Silva, dando todo apoio a essa classe de pessoas com deficiências. A sociedade ´precisa saber que eles são cidadãos de bem e de direito”, finalizou a Secretária de Assistência Social.   
  
A cada ano, no dia 03 de dezembro, é estimulada uma reflexão sobre os direitos da pessoa com deficiência, tanto na instância nacional como na municipal.   Essa iniciativa tem como objetivo conscientizar a sociedade para a igualdade de oportunidades a todos os cidadãos; promover os direitos humanos; conscientizar a população sobre assuntos de deficiência; celebrar as conquistas da pessoa com deficiência e pensar a inclusão desse segmento na sociedade, para que ele influencie os programas e políticas que o afetem.
“Quando se fala da pessoa com deficiência, claro que a gente já teve muitas conquistas e direitos também. Por isso que hoje é o Dia Internacional da Pessoa com Deficiência e o Nacional da Luta, já ocorreram muitas conquista e ainda tem muito a ser conquistado. E um evento como esse é muito importante para nós”, comentou Maria do Socorro , Presidente da Associação das Pessoas com Deficiência.
Nesta data as pessoas com deficiência podem comemorar muitas conquistas sociais, econômicas e políticas que aconteceram tanto no Brasil quanto em outros países. Mas também devemos lembrar que a luta precisa continuar, pois nem todas as pessoas com deficiência ainda são atendidas pelas políticas públicas que devem estar disponíveis para qualquer cidadão.
ASCOM-PMA 

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE