PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

POLICIA CIVIL CUMPRE MANDADO DE PRISÃO DEFINITIVA CONTRA DOIS HOMENS ACUSADOS DE HOMICÍDIO QUALIFICADO, E OCULTAÇÃO DE CADÁVER

A Polícia Civil do Estado do Maranhão, por intermédio da 9ª Delegacia Regional de Açailândia, com o apoio do Centro de Defesa das Vidas dos Direitos Humanos – Carmen Bascarán de Açailândia/MA, deu cumprimento, no dia 03.12.2019, a MANDADO DE PRISÃO DEFINITIVA expedido pela 1ª Vara Criminal de Açailândia em desfavor dos nacionais ADÃO SOARES e JOSEMIR FERREIRA SOARES, ambos sendo condenados, a 15 (quinze) anos de reclusão, pela prática dos crimes de HOMICÍDIO QUALIFICADO (Art. 121, § 2º, inciso V, do Código Penal) e OCULTAÇÃO DE CADÁVER (art. 211 do Código Penal).

Em resumo, no dia 14 de dezembro de 2009, por volta das 16h, na localidade do Assentamento Planalto Anil I,  a vítima Elson Machado da Silva, criança de apenas 09 anos de idade portador de deficiência mental, foi dominada pelo denunciado Adão Soares que em ato contínuo a colocou dentro de um tanque, para horas após, com a ajuda do denunciado Josemir Ferreira, arrancar-lhe a vida.

Objetivando permanecerem impunes, os denunciados procederam a ocultação do corpo da vítima. Há relatos que a vítima, dias antes do ocorrido, teria sido abusado sexualmente pelo segundo acusado, que é enteado do primeiro denunciado.  Após a prisão, foram realizadas as comunicações de praxe e os presos foram encaminhados para a UPR de Açailândia estando ambos a disposição da justiça.
Participaram da missão o delegado regional, os investigadores Wallace costa, Nilton e Sostenes, bem como o comissário Frazão.

Informação da Polícia Civil do Maranhão.

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE