PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Açailândia registrou 9 casos de suicídios em 2019 enquanto 2018 registrou 12 casos

De acordo com levantamento feito pelo blog Carlos Cristiano Noticias, no ano de 2019 foram registrados nove casos de suicídios em Açailândia. 

Os dois bairros com mais casos foram Vila Ildemar, Jacu e Laranjeiras cada um deles com duas mortes. Os outros casos foram registrados nos bairros Jardim Glória, Jardim Glória II e Centro cada um com uma morte.

Já em 2018 foram registrados 12 casos em todo o ano, número muito alto que preocupa autoridades e a sociedade.

Depressão é principal causa das mortes e é uma doença silenciosa e requer toda atenção e cuidado. 

Os casos foram registrados entre os meses de Maio a Agosto daquele ano.

Os sintomas de depressão podem variar de leves a graves e podem incluir:
  • Tristeza ou com um humor deprimido;
  • Perda de interesse ou prazer em atividades antes apreciadas;
  • Alterações no apetite – perda de peso ou ganho não relacionado à dieta;
  • Problemas para dormir (insônia) ou dormir demais;
  • Perda de energia ou aumento da fadiga;
  • Baixa autoestima e presença de sentimentos de culpa;
  • Dificuldade para pensar, concentrar ou tomar decisões;
  • Pensamentos de morte ou suicídio.
  • Os sintomas devem durar pelo menos duas semanas para um diagnóstico de depressão.
Fatores de risco para depressão
A depressão pode afetar qualquer pessoa – até mesmo uma pessoa que parece viver em circunstâncias relativamente ideais.

Vários fatores podem desempenhar um papel na depressão:

Bioquímica: Diferenças em certas substâncias químicas no cérebro podem contribuir para os sintomas.

Genética: Depressão pode ocorrer em famílias. Por exemplo, se um gêmeo idêntico tem depressão, o outro tem 70% de chance de ter a doença em algum momento da vida.

Personalidade: Pessoas com baixa autoestima, que são facilmente oprimidas pelo estresse, ou que são geralmente pessimistas, parecem mais propensas a sofrer de depressão.

Fatores ambientais: A exposição contínua à violência, negligência, abuso ou pobreza pode tornar algumas pessoas mais vulneráveis à depressão.

O que mais pode desencadear a depressão?
Transtornos psiquiátricos correlatos;
Estresse e ansiedade crônicos;
Disfunções hormonais, problemas na tireóide;
Excesso de peso, sedentarismo e dieta desregrada;
Vícios (cigarro, álcool e drogas ilícitas);
Hiperconexão e excesso de estímulos, como o uso excessivo de internet e redes sociais;
Traumas físicos ou psicológicos, experiências de violência doméstica ou abuso;
Separação conjugal, perda de emprego, desemprego por tempo prolongado ou a perda de uma pessoa muito querida;
Fibromialgia e dores crônicas;

Blog do Carlos Cristiano

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE