PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Uma casa desaba e outras trés ficam comprometidas em Açailândia

Na noite da última sexta-feira 13, uma casa localizada no Getat por trás do Hospital Municipal de Açailândia, além da casa que desabou, outras trés casas ficaram com a estrutura comprometidas. 

Segundo informações do SAMU uma pessoa ficou ferida sem gravidade com o desabamento da casa. 

A Defesa Civil e o Corpo de Bombeiros estiveram no local ainda na noite da sexta-feira.

Segundo a Defesa Civil, uma residência que fica na parte superior de uma encosta/terreno, a encosta veio a desmoronar junto ao aterro desta casa, com tal fenômeno toda a estrutura desta casa foi abalada, provocando inúmeras rachaduras em toda a sal extinção. A barreira que se desprendeu deslizou chegando a atingir uma outra casa que fica na parte inferior do terreno com o impacto veio a derrubar um dos cômodos da casa atingida que também chegou a abalar a estrutura física da casa atingida, provocando rachaduras. Ainda como desprendimento desta barreira e como em uma encosta, mais três casas que ficam do lado foram comprometidas.    

Duas pessoas que moravam na casa foram atingidas uma criança e seu pai. A criança teve um pequeno corte na cabeça e escoriações no braço e seu pai teve escoriações no pé, ambos foram encaminhados para o hospital municipal receberam os primeiros atendimentos, a criança foi monitorada durante toda a noite, recebendo alta no dia de hoje e passa bem. 
A Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil – COMPEDC – Açailândia e o Corpo de Bombeiros, realizaram a evacuação dos populares das casas atingidas e das casas do entorno como medida de segurança, naquele momento de aflição as famílias atingidas se abrigaram nas casas de familiares, contudo a prefeitura através da COMPEDC, disponibilizou abrigos temporários para aqueles que foram atingidos, não sendo necessário, pois preferiram ir para as casas de seus familiares.

Das famílias atingidas duas delas foram abrigadas em uma igreja do bairro, após a remoção das famílias a Coordenadoria Municipal de Proteção e Defesa Civil – COMPEDC – Açailândia e o Corpo de Bombeiros interditaram as casas que foram comprometidas.     

A Secretaria Municipal de Assistência Social, encaminhou para o local 4 assistentes sociais, para realizar cadastramento das famílias atingidas, sendo que algumas iram para o aluguel social até restabelecer a ordem no bairro e outras iram que perderam suas casas iram para o Programa Minha Casa Minha Vida do Governo Federal.

Prefeito de Açailândia -MA, reconhece situação de urgência no município após estragos das chuvas













Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE