PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Governador Flávio Dino anuncia inauguração de leitos de UTI,s em Açailândia

O 13º salário dos servidores estaduais maranhenses será pago junto com a folha de outubro. O anúncio foi feito pelo governador Flávio Dino, durante coletiva à imprensa concedida no Palácio dos Leões, na manhã desta sexta-feira (16). A decisão tem caráter preventivo com fins a reduzir aglomerações – no comércio e agências bancárias – e soma nas ações de combate ao novo coronavírus. A medida impulsiona a economia maranhense, com injeção de R$ 575 milhões do pagamento da folha, e alcança os mais de 115 mil servidores ativos, inativos e pensionistas do Estado.

“Com essa medida, o servidor estadual pode antecipar suas compras de fim de ano, diminuindo as aglomerações no comércio e, também, injetamos recursos na economia do nosso Estado, mediante o pagamento da folha de outubro e do 13º. É uma forma de estimularmos o setor de comércio e serviços na geração de emprego. Ação pioneira do Governo do Maranhão, sublinhando a marca da gestão no cuidado às pessoas e preocupação com a economia”, destaca o governador Flávio Dino.

Outro anúncio feito pelo governador se refere à liberação do funcionamento de cinemas, parques de diversões em shoppings e eventos com até 150 pessoas. A permissão se vincula à adoção das devidas medidas sanitárias e de prevenção contra o novo coronavírus. “Até dezembro poderemos falar em mais avanços, caso os números continuem nessa linha de redução”, disse o governador, sobre pedidos para realização de festas com mais de 150 pessoas, eventos privados de grande porte e comemorações como o Revéillon.

Sobre a vacina, Flávio Dino reforçou que, assim que estiver testada e aprovada, tomará as providências para que chegue ao Maranhão. “Nossa ação principal é no diálogo com o Ministério da Saúde, pois a forma de adquirir a vacina é por meio do Governo Federal. Razão jurídica que nos faz dialogar e insistir com o órgão federal. Em caso de não haver essa coordenação, faremos nossas compras diretamente, de quem tiver a vacina, e ofertaremos à população maranhense”, enfatiza.

Retornando aos casos de reinfecção, o governador citou os registrados no Maranhão, cujas análises foram feitas no Instituto Evandro Chagas e Fio Cruz. O resultado deve sair em três semanas. Flávio Dino pontuou inaugurações de obras na saúde, que prosseguem com a entrega das Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) de Codó e Açailândia, além da Policlínica de Presidente Dutra, marcados para dia 22 de outubro. “Estamos ampliando ainda mais os leitos de UTI. E já multiplicamos por quatro essa oferta de leitos no Maranhão”, disse Flávio Dino.

O Mutirão de Cirurgias, outra iniciativa de governo na saúde, já ultrapassa os 4,1 mil procedimentos, e até dezembro, a meta é que sejam realizadas 20 mil cirurgias. Para agilizar a fila de espera por esse procedimento, o governador anunciou lançamento de edital para contratação de médicos da rede particular, que tenham interesse em participar do mutirão.

Na coletiva Flávio Dino anunciou nova etapa da testagem sorológica, na qual 5,1 mil pessoas em 66 municípios serão testadas. A ação inicia nesta segunda-feira (19) e vai até dia 30 de outubro. “Tivemos queda de casos ativos, queda de óbitos e redução também dos casos de contágio. O teste soma nessa prevenção e nos dá um cenário da situação”, pontua o governador.

Na economia, o governador reforçou a execução de obras e medidas que atendem à geração de empregos e formação de renda, a partir das ações do Plano Emergencial Celso Furtado. Por meio do plano já foram investidos R$ 247 milhões no Estado. A previsão total é de R$ 558 milhões de investimentos em medidas para impulso do trabalho e geração de renda.

Portal Guará

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE