PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

OPERAÇÃO CONJUNTA DA POLÍCIA MILITAR E CIVIL RESULTA NA PRISÃO DE ASSALTANTE DE BANCO, APREENSÃO DE ARMAMENTO E EXPLOSIVOS

Nesta quinta-feira (05), a Polícia Militar por meio do 32° Batalhão, com sede em Cidelândia, e DIAE de Imperatriz em operação conjunta com o Departamento de Combate a Roubo à Instituições Financeiras – DCRIF/SEIC, 9ª Delegacia Regional de Açailândia, resultou na prisão de indivíduo responsável pelo planejamento e execução do roubo ao Banco do Bradesco de São João do Caru, ocorrido no dia 30/07/2020.

Após investigações realizadas pelo DCRIF, foi deferido pelo juízo da Comarca de Bom Jardim o mandado de prisão do suspeito de envolvimento no roubo a banco, cumprido hoje pelos policiais do 32° BPM.

Após o cumprimento da prisão, com novas informações obtidas, foi possível localizar e apreender os fuzis e coletes balísticos utilizados na ação, bem como todo o explosivo, cordel detonante e espoletas remanescentes com o grupo, impossibilitando assim, a prática de crimes a outras instituições financeiras.

Foram apreendidos: dez dinamites Nitro penta, dois fuzis calibre 5.56; dois fuzis calibre 7.62; uma pistola, calibre 40 mm, pertencente a PMMA; sessenta e seis munições calibre 5.56; vinte e uma munições calibre 7.62; uma munição calibre 50; trinta e cinco munições calibre .40, que estavam em posse do acusado no momento da abordagem; quatro coletes balísticos; cordel detonante e espoletas.

Após a prisão do suspeito, em cumprimento ao mandado de prisão temporária, ele foi encaminhado ao Sistema Penitenciário Estadual, onde permanecerá à disposição da justiça.

Texto – Ascom/PMMA

Foto – 32º BPM


Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE