PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

Recém-inauguradas, Casas da Mulher e do Idoso em Imperatriz garantem mais direitos


Proteger quem é mais vulnerável e ampliar direitos. Essa é a missão da Casa da Mulher Maranhense e do Centro de Referência do Idoso, inaugurados há cerca de quatro meses em Imperatriz. 

A Casa da Mulher atende vítimas de violência doméstica, com apoio psicossocial e acompanhamento da Delegacia da Mulher, Patrulha Maria da Penha, Defensoria Pública, Juizado e Ministério Público.

Para a diretora da Casa da Mulher, Laura Carolina de Lima Santos, o espaço veio em boa hora: “Estamos felizes com as ações desenvolvidas pela casa e pelo seu crescimento gradual. É a primeira casa que funciona fora de uma capital gerida totalmente com recursos estaduais e muito importante para essa região, por ter um alto índice de violência doméstica e por integrar em um único espaço toda a rede de enfrentamento da violência contra a mulher”, destacou.

Neste mês de dezembro, a UEMASUL começou a estabelecer parcerias com a Casa da Mulher. Em visita à unidade, a reitora Elizabeth Nunes Fernandes colocou a universidade à disposição, “ressaltando a importância de uma parceria entre os órgãos, juntando forças no debate e combate à violência doméstica”.

Idosos

O Centro de Referência tem capacidade para atender cem idosos por dia, com serviços de fisioterapia, atividades físicas e culturais, pintura e inclusão digital, com aulas de computação.

Fonte: Secap

Comentários

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE