PUBLICIDADE

AÇAILÂNDIA: SINTRASEMA REALIZA MANIFESTAÇÃO POR GARANTIA DOS DIREITOS DO SERVIDOR NEGLIGENCIADOS PELA ATUAL GESTÃO

O Sindicato dos Trabalhadores no Serviço Público Municipal de Açailândia - SINTRASEMA, realizou na manhã desta quinta-feira 28, “Dia do Servidor”, uma grande manifestação contra os direitos que estão sendo tolhidos pela prefeitura. 

A manifestação iniciou em frente a sede do sindicato, onde também foi servido um delicioso café da manhã, percorreu as principais ruas da cidade, encerrando na praça do mercado. 

Durante o percurso, os profissionais servidores públicos municipais fizeram paradas estratégicas em frente a secretaria municipal de educação e conclamaram falas de ordem, durante as falas em frente ao órgão, o sindicato cobrou melhorias para os profissionais da educação, entre outros. 

Vários servidores municipais de diversas áreas participaram da manifestação que aconteceu durante todo o tempo de forma pacífica, sempre com palavras de ordem.

A professora Andreia, denunciou que muitas escolas do município estão em péssimas condições e que oferecem risco aos alunos e aos professores, ela cobrou uma ação do município por parte da gestão atual que tome providências sobre esta situação, pois é tão crítica que muitas escolas oferecem risco de vida as pessoas, disse a educadora. 

Para a presidente do SINTRASEMA, professora Fernanda Suely, “salientou a importância de momentos como este que servem para valorizar cada um dos servidores”, disse ela.

Os servidores cobraram também que seja retornado o pagamento das progressões salariais triênio e quinquênio, outra cobrança importante feita pelos servidores, foi a regulamentação e pagamento de complementação salarial para os profissionais das escolas em tempo integral.

A redução da carga horário de trabalho, também cobrada pelos servidores, eles querem que diminua de 40 para 30 horas semanais para os profissionais da saúde. A manifestação também cobrou o retorno do Adicional de Insalubridade dos Servidores da Saúde e ASG's.

Os servidores também cobraram a criação e Reformulação de Carreiras e da Lei Complementar 001/1993. Outra cobrança feita por eles foi  sobre o pagamento da Diferença do Reajuste Salarial 2020 dos professores de 40 (quarenta) horas.

Ainda segundo a presidente, essa situação em que o município não respeita os planos de carreira dos servidores, é uma luta antiga travada pelo sindicato contra o município, e que esses direitos que estão sendo retirados, são garantidos por lei e deveriam ser respeitados sempre.  

Fernanda Suely, “disse que o sindicato estará sempre à disposição para servir e lutar pelos direitos de cada servidor municipal”, falou Fernanda.

Ao final do ato da manifestação, Fernanda Suely agradeceu a presença de cada um dos servidores que participaram da manifestação e por eles sempre estarem à disposição do sindicato.

AÇAILÂNDIA: SINTRASEMA CONVOCA SERVIDORES PARA MANIFESTAÇÃO NESTA QUINTA-FEIRA (28)

O ato também foi contra a PEC-32, que segundo os servidores, tira muitos dos seus direitos conquistados ao longo dos anos. 

Comentários

  1. Os direitos dos servidores estão sendo cerceados pela atual gestão, pois o aumento salarial (Lei 11.738) não está sendo cumprido, o que está provocando uma defasagem no rendimento mensal desses profissionais. Não estamos pedindo esmola, estamos pedindo que a lei seja respeitada!

    ResponderExcluir

Postar um comentário