PUBLICIDADE

MARANHÃO/ELEIÇÕES 2022: FELIPE CAMARÃO LANÇA CANDIDATURA AO GOVERNO DO MARANHÃO PELO PT


De olho nas eleições do próximo ano, secretário Felipe Camarão, lança candidatura ao governo e espera contar com o apoio do governador Flávio Dino e do ex-presidente Lula.

O secretário de educação do Maranhão, Felipe Camarão, lança oficialmente nesta quinta-feira (4), às 18h, no Residencial Recepções, localizado na Av. Mário Andreazza, 26, bairro Olho D’água, o ato “Avante, Maranhão!”, que marca a sua pré-candidatura pelo Partido dos Trabalhadores para disputar o cargo de governador do estado nas eleições de 2022.

Camarão que já havia colocado o seu nome anteriormente à disposição do partido. E fez questão de declarar que a sua candidatura é uma defesa ao legado que será deixado pelo governador Flávio Dino (PSB), que deverá concorrer ao senado federal. Segundo Felipe Camarão, a ideia é construir um projeto político com participação popular, por meio de debates as prioridades para o desenvolvimento do estado. Outro trunfo é tentar conquistar o apoio de Dino que vai decidir ainda este mês quem será o candidato do governo e do ex-presidente Lula, que também deve voltar a concorrer à presidência do Brasil.

O movimento em torno da pré-candidatura de Felipe Camarão ao governo do Maranhão, foi fortalecida por uma ala de membros PT no início do mês de outubro durante um evento da legenda no município de Pedreiras. Na oportunidade Camarão e destacou que a sua decisão de concorrer ao governo é fruto de diálogo dentro do partido. “Nada do que estou fazendo aqui é por ordem do Flávio Dino.

“Ele não mandou ou pediu para eu ser candidato. Com muita humildade me coloquei à disposição do meu partido para ser pré-candidato ao governo do Maranhão e somos nós, do PT, que vamos apresentar essa candidatura a ele e dizer que queremos ser o candidato dele, do Lula, de toda nossa militância e, principalmente, do povo do Maranhão”, declarou Camarão, destacando que o PT buscará apoio de outros partidos para integrar o projeto político para 2022.

Entrevista a O Imparcial, o secretário de Estado da Agricultura do Maranhão (Sagrima), Luiz Henrique Lula da Silva, o PT tem trabalhado para fortalecer a imagem da legenda no estado com vistas as eleições do próximo ano. “A primeira coisa que o PT resolveu fazer foi sair de suas disputas internas para construir um projeto político unificado. Pela primeira vez você vê um PT marchando juntos no plano nacional e no plano estadual. E no plano nacional estamos com nossas bandeiras de lula contra esse governo genocida, irresponsável, incompetente, absolutamente inepto que só não caiu porque comprou o congresso. Estamos juntos no combate a essa pandemia implementadas pelo governo Flávio Dino com as políticas definidas pelo PT que é a valorização da ciência, com o processo de segurança sanitária. O PT hoje tem uma unidade política. As forças que compõem o PT hoje navegam com um único propósito que é dobrar ou triplicar a bancada de deputados federais e quadruplicar ou quintuplicar a bancada de deputados estaduais. Por isso estamos unificando o partido na mesma direção”, ressaltou Luiz Henrique Lula da Silva.

Sobre a candidatura de Camarão ao governo, o vice-presidente estadual do PT Maranhão, Francimar Melo, destacou que o partido no estado tem condições de fazer um grande debate com a população maranhense em torno da proposta do partido. “Esse é o momento da legenda apresentar nosso pré-candidato ao governo do Estado, o Felipe Camarão”, destacou Francimar Melo, afirmando que ele reúne todas as condições de disputar o pleito com os demais candidatos que estão se apresentando.

Esta será a primeira vez que Felipe Camarão concorre a um pleito eleitoral. Seu nome já havia sido ventilado para concorrer à prefeitura de São Luís em 2020, mas o mesmo preferiu continuar à frente da Secretária de Educação do Maranhão.

O IMPARCIAL

 

Comentários