PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE PARK

PUBLICIDADE PARK

AÇAILÂNDIA: ENTIDADES EMPRESARIAIS PROTOCOLARAM OFÍCIOS JUNTO AOS ÓRGÃOS COMPETENTES PEDINDO PROVIDÊNCIAS SOBRE INTERRUPÇÃO DE ENERGIA SEM AVISO PRÉVIO

ENTIDADES EMPRESARIAIS DE AÇAILÂNDIA PROTOCOLARAM OFÍCIOS JUNTO A PROMOTORIA DE JUSTIÇA EQUATORIAL SECRETARIA DO COMÉRCIO INDÚSTRIA E TURISMO- SENCTUR CÂMARA MUNICIPAL E PROCON/MA PEDINDO PROVIDÊNCIAS SOBRE A INTERRUPÇÃO DE ENERGIA ABRUPTA SEM AVISO PRÉVIO NO CENTRO COMERCIAL OCASIONANDO PREJUÍZOS IRREPARÁVEIS.

As entidades empresariais de Açailândia, compostas pela Associação Comercial e Industrial de Açailândia - ACIA, Sindicato do Comércio Varejista de Açailândia - SICA e Câmara de Dirigentes Lojistas- CDL, protocolaram ofícios durante esta quinzena reclamatórios em face da empresa Equatorial Energia do Maranhão, referente as interrupções de energia abrupta sem aviso prévio que está sendo constante no centro comercial da cidade paralisando seu normal funcionamento ocasionando prejuízos nas suas vendas, sem contar na prestação de serviços como clinicas médicas, odontológicas assim como farmácias e demais ramos imprescindíveis para toda população Açailandense.

Estas constantes faltas de energia no centro comercial de Açailândia, tem sido motivo de muitas reclamações por parte dos empresários e populares, onde o Centro Empresarial por meio das entidades ACIA, SICA e CDL formalizaram ofícios protocolados junto à Promotoria Pública de Açailândia, no escritório da empresa Equatorial, o qual foi aberto a ordem de serviço para avaliar onde se encontra o problema.

Assim como, foi junto ao Secretário Municipal de Indústria e Comércio, Câmara Municipal e Procon/MA pedindo que a empresa Equatorial possa dar uma resposta à classe empresarial.

Com essa união de forças, o Centro Empresarial de Açailândia espera fazer com que a Equatorial possa se manifestar e realizar serviços com mais qualidade aos açailandeses, principalmente no setor comercial investido em modernizar seu parque de postes, cabos, transformadores e demais utensílios para o bom funcionamento da energia elétrica distribuída para todos, contando com investimentos adequados e proporcionais ao crescimento da nossa cidade.

A Dra. Glauce Mara Lima Malheiros, orientou os presidentes a também registrarem a reclamação contra a Equatorial, no Procon Municipal, segundo ela, isso agregará maior força no processo junto ao processo reclamatório contra a empresa.

Claudenir Viegas, secretário de Indústria e Comércio, destacou a importância da união de forças é importante para provocar a empresa Equatorial a se manifestar e de fato, resolver esse problema, disse Viegas.

Os presidentes das entidades empresariais ACIA, Marcelo Santana, SICA Hyago Murylo e da CDL José Melgaço e vice - presidente da CDL Leonardo José fizeram os protocolos juntos aos órgãos e esperam que juntos unindo forças será possível pressionar a empresa Equatorial.

De acordo com o presidente da ACIA Marcelo Santana, “é preciso que a empresa Equatorial saiba da sua responsabilidade na prestação de serviços providenciando investimentos nas redes elétricas de Açailândia não colaborando para ocasionar prejuízos e incômodos causados aos comerciantes e toda população, pois essa situação parece ficar cada vez pior, torcemos que se faça algo para evitar que esse problema se estabilize e que não precise acontecer algo mais graves ao empresário para depois ser tomada alguma medida reparatória" disse Dr. Marcelo Advogado, Empresário e atual Presidente da Associação Comercial de Açailândia.

www.ceacailandia.com.br


Comentários

PUBLICIDADE WIZARD

PUBLICIDADE WIZARD

PUBLICIDADE SKIL

PUBLICIDADE SKIL