PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE PARK

PUBLICIDADE PARK

AÇAILÂNDIA: POR NÃO TER UM DEPUTADO, MUNICÍPIO SOFRE COM A FALTA DE IML

Por não ter um deputado seja na esfera estadual ou na federal, Açailândia ainda sofre por não ter um posto do Instituto Médico Legal - IML no município.

A falta de IML tem causado bastante transtorno e incômodo aos açailandenses que perdem seus entes queridos das mais diversas formas e demoram em poder velar seus corpos, pois na maioria das vezes o corpo demora quase 10 horas para ser recolhido pela equipe do IML de Imperatriz, causando ainda mais sofrimento às famílias.

Se tivéssemos um deputado que pudesse intervir junto ao Governo do estado, para que pudesse se sensibilizar com Açailândia e instalasse uma unidade do IML no município. 

No site do Governo do Estado, consta que desde de meados de 2020, novas unidades do IML e ICRIM seriam instaladas na região tocantina, isso inclui Açailândia, porém, nessa altura do campeonato, nada disso aconteceu no município.

Vale ressaltar que em Açailândia já são realizados alguns poucos serviços do IML nas dependências da Delegacia Regional da Polícia Civil, mas ainda são necessários levar os corpos de falecidos, por exemplo, para Imperatriz para serem necropsiados.

De acordo com o prefeito Aluísio Sousa,  em Açailândia já tem um ICRIM em funcionamento a pouco mais de um mês, onde funciona nas proximidades do Fórum. Ainda de acordo o prefeito, o IML será anunciado nos próximos dias pelo governo do estado, já tem inclusive local para funcionar, disse o gestor a nossa redação. 

Comentários

PUBLICIDADE WIZARD

PUBLICIDADE WIZARD

PUBLICIDADE SKIL

PUBLICIDADE SKIL