PUBLICIDADE

PUBLICIDADE

PUBLICIDADE PARK

PUBLICIDADE PARK

AÇAILÂNDIA: SME PARTICIPA DO ENCONTRO DOS PROFISSIONAIS DO ATENDIMENTO EDUCACIONAL ESPECIALIZADO DOS CENTROS EDUCA MAIS

De segunda-feira (20) até quarta-feira (22), aconteceu o Encontro dos Profissionais do Atendimento Educacional Especializado dos Centros Educa Mais, no auditório da Escola de Governo, no centro de São Luís. Marcado pela presença de 42 professores e tutores que atuam no Atendimento Educação Especializado a estudantes com deficiência em Centros Educa em cidades do Maranhão.

Açailândia foi representada pela professora de AEE da Unidade Mais Integral Tânia Leite Santos, Maria de Jesus Ribeiro; pela coordenadora da Educação Especial da SME de Açailândia, Ivanilde Sobral; e pela professora de AEE - Integral do Estado, Almervanda Campelo.

Para Ivanilde Sobral, a demanda por profissionais qualificados para trabalhar em contextos educacionais inclusivos se faz cada vez mais presente. “As escolas, sejam elas de Educação Infantil, Ensino Fundamental, Médio, Técnicas, Superior, privadas ou públicas, estão sendo desafiadas pela diferença. Educadores precisam procurar se capacitar e se dispor a dialogar sobre a inclusão, a acolher e desenvolver ações voltadas para a permanência de todos os estudantes. Em atenção ao imperativo de atender às especificidades de nossos alunos, respeitando ritmos de aprendizagens diferenciados e apostando nas possibilidades desses sujeitos”, concluiu.

Com os objetivos de compartilhar experiências de atuação no Atendimento Educacional Especializado (AEE) e fortalecer práticas inclusivas nos Centros Educa Mais, escolas da rede estadual de ensino que ofertam educação em tempo integral, a Secretaria de Estado da Educação (Seduc), por meio da Supervisão dos Centros de Educação em Tempo Integral (SUPCETI), realizou o evento.

Durante os três dias de encontro, foram realizadas palestras, rodas de conversa, trocas de experiências e estudos de caso conduzidos por técnicos da Seduc que integram a Coordenação da Educação Especial e Inclusiva dos Centros Educa Mais, com apoio da Coordenação Pedagógica dos centros.

Na oportunidade, foram trabalhadas temáticas como Fatos e Fakes da Educação Especial e Inclusiva dos Centros Integrais; A dinamicidade do profissional do AEE nas rotinas dos Centros Integrais: caracterizando a realidade; e Altas Habilidades/Superdotação sob um novo olhar: teoria e prática.

A programação propõe-se a atender à demanda de educadores que desejam aprofundar seus conhecimentos e/ou desenvolver ações para a construção de espaços educacionais mais inclusivos, instrumentalizando-os para a criação, implementação e avaliação de planos que incluam os Atendimentos Educacionais Especializados – AEE e que visem diminuir as barreiras do processo de escolarização.

ASCOM/PMA

Comentários

PUBLICIDADE WIZARD

PUBLICIDADE WIZARD

PUBLICIDADE SKIL

PUBLICIDADE SKIL