SKILL.ED - AÇAILÂNDIA

NOVEMBRO AZUL - PREFEITURA DE AÇAILÂNDIA

MINAS GERAIS: HOMEM DE AÇAILÂNDIA CONFESSA TER IDO ATÉ BH PARA ASSASSINAR MANICURE

Homem suspeito de matar manicure dentro de salão de beleza em Esmeraldas é preso.

A ação conjunta entre a Polícia Militar de Minas Gerais e a Polícia Militar de Tocantins resultou na prisão do suspeito de atirar na mulher enquanto ela fazia as unhas de uma criança em um salão da Região Metropolitana de Belo Horizonte.

A Polícia Militar de Minas Gerais em ação conjunta com a Polícia Militar do estado do Tocantins realizaram a prisão do homem suspeito de assassinar a manicure Rafaela Silva Oliveira, de 34 anos, com um tiro na cabeça dentro de um salão de beleza em Esmeraldas , na Região Metropolitana de Belo Horizonte. O suspeito foi preso na noite desta sexta-feira(14), na BR-010 em Natividade, no estado do Tocantins.

O homem identificado como Edson Alves do Nascimento, ainda está na cidade e não tem data prevista para sua transferência para Minas Gerais. Ele estava acompanhado de outro homem que foi liberado, mas que segundo a Polícia será investigado.

O homem fugiu por cerca de 1400 km de carro e era monitorado por câmeras de segurança das rodovias. De acordo com a polícia, o suspeito afirmou que saiu da sua casa na cidade de Açailândia, no estado do Maranhão e foi até a cidade de Esmeraldas com a intenção de matar a Rafaela.

Ainda segundo o suspeito, o crime aconteceu por vingaça.

O que diz a Polícia Civil de Minas Gerais

Sobre a morte de uma mulher, de 34 anos, em Esmeraldas, a PCMG informa que dois suspeitos, de 25 e 26 anos, foram identificados e localizados, no estado do Tocantins. Eles foram conduzidos e ouvidos pela Polícia Civil do Tocantins e a prisão em flagrante delito do homem, de 26 anos, foi ratificada pelo crime de homicídio qualificado. Com os procedimentos de polícia judiciária, o investigado preso foi encaminhado ao sistema prisional. A motivação e as circunstâncias do crime seguem em apuração e os detalhes da investigação serão divulgados apenas com a conclusão do Inquérito Policial pela PCMG.

A manicure Rafaela Silva Oliveira, de 34 anos, foi assassinada com um tiro na cabeça dentro do salão de beleza dela, em Esmeraldas, na Grande BH, nesta quinta-feira (12).

De acordo com a Polícia Militar (PM), ela fazia as unhas de uma criança de 9 anos quando um homem entrou no espaço e disparou. A menina saiu correndo.

A vítima morreu na hora, sentada na cadeira. A perícia da Polícia Civil foi chamada e recolheu uma cápsula de calibre 9mm.

Os pais da vítima compareceram ao salão e disseram à PM que a filha não tinha desavenças com ninguém.

A polícia vai investigar o caso e pode levar em consideração duas hipóteses. A primeira é que Rafaela foi casada com um homem do Espírito Santo, a separação foi em 2018 e ela retornou a Minas Gerais. O homem não aceitava o fim do relacionamento e fazia constantes ameaças.

A segunda é que a ex-mulher do atual marido de Rafaela ameaçava a manicure.

O corpo de Rafaela foi levado para o Instituto Médico Legal (IML).

G1/MINAS GERAIS

Comentários

PUBLICIDADE ATEX TELECOM

PUBLICIDADE ATEX TELECOM

CÂMARA MUNICIPAL DE AÇAILÂNDIA

WIZARD BY PERSON - AÇAILÂNDIA